Dispersão

O termo dispersão ou tipo de dispersão ou densidade de dispersão para abrasivos sobre substrato significa a densidade com a qual o grão abrasivo é aplicado no substrato. Existem 3 tipos de dispersão:

Dispersão densa: o substrato está quase completamente ocupado pelo grão abrasivo. A grande quantidade de pontas de grão que agem nesta dispersão permite um grande desbaste de material e altos tempos de duração dos abrasivos. Uma dispersão densa é típica para abrasivos usados na usinagem de metais.

Dispersão semi-aberta: o substrato está ocupado aprox. 70 - 80% pelo grão abrasivo. O espaço intermediário entre as pontas de grãos permite a remoção do material lixado. Uma dispersão semi-aberta é típica para aplicações com grande desbaste de material, por ex., o lixamento de tintas, plásticos e metais não-ferrosos.

Dispersão aberta: o substrato está ocupado aprox. 50 - 70% pelo grão abrasivo. O espaço maior entre os grãos abrasivos para esta dispersão reduz o entupimento e permite a remoção dos cavacos da área de lixamento. Uma dispersão aberta é aplicada tipicamente para abrasivos para madeira e outros manterias que geram cavacos longos, os quais de outra forma poderiam entupir o abrasivo rapidamente.

Além disso, a densidade de dispersão também permite influenciar a agressividade de um abrasivo e a fineza da superfície lixada.

Pressão = Força/Área (p = F/A)

Em um abrasivo com dispersão aberta a força aplicada é distribuída em menos pontas de grãos do que em outro com dispersão densa. Por isso o grão penetra mais fundo e a remoção de material é maior. Por outro lado, com uma dispersão densa, com muitas pontas de grãos em ação, naturalmente a força sobre o grão individual é menor; o grão não penetra tão fundo e a superfície lixada fica com acabamento mais fino.


Voltar às Informações sobre lixamento
Buscar informações sobre lixamento